02 novembro 2012

Ballycastle - Cliffs Downpatrick Head



Cliffs Downpatrick Head é, sem dúvida, um dos lugares mais fantástico e selvagem que já tive o prazer de conhecer. A três quilômetros ao norte de Ballycastle (a 262 km de Dublin), cidade no Condado de Mayo, extremo oeste do país, este lugar incrível não faz parte do roteiro turístico da Irlanda e fica em um local remoto aonde só se vai com quem conhece. 




Paulinho e Niall

Downpatrick é um promontório impressionante a 126 metros acima de Broadhaven Bay e oferece algumas das paisagens mais dramáticas da costa da Irlanda. 


Paola e Paulinho no Mirante

Há um pequeno mirante a partir do qual se tem uma vista fantástica sobre o Atlântico, o Staggs de Broadhaven para o oeste, e enormes cliffs ao longo da costa.





Staggs de Broadhaven

Cliffs Downpatrick Head e Dún Briste, separado do continente, ao fundo

Os penhascos se formaram pela força das ondas do mar, no período Carbonífero Inferior, 350 milhões de anos atrás quando o mar a volta da Irlanda tinha uma temperatura bem mais elevada do que atualmente. Podemos ver a constante mudança na paisagem dos cliffs pela força das ondas.


Pode-se observar na grande fenda uma pequena abertura provocada pela fúria do mar. 

Em algum momento em um futuro distante haverá uma ruptura com o continente. 

Paulinho e Niall na ponta do penhasco


Em dias de mar agitado as ondas podem atingir 30 metros de altura.

Como estávamos com um amigo de Belmullet que conhece bem toda região, fomos explorar Downpatrick além do mirante.

É realmente um lugar fantástico! 

É possível ficar horas contemplando...



O lugar é de tirar o fôlego, pela imensidão, pela paz, pela beleza selvagem, pela barulheira das aves que habitam os cliffs e pela violência com que o mar bate nos paredões.






Ao contrário de Cliffs of Moher, não há qualquer estrutura turística, trilhas para caminhada ao longo dos penhascos ou sistema de proteção. Para apreciar toda essa beleza em estado absolutamente natural, é preciso muito cuidado, pois você estará por conta própria a partir desse aviso.





As ruínas de uma igreja, um poço sagrado, e uma cruz de pedra marcam o local de uma igreja fundada por São Patrício. O lugar é visitado por peregrinos no último domingo de Julho - "Garland domingo. A estátua de St. Patrick erguida no local em 1912 foi substituída por uma nova no início dos anos 1980.





As ruínas e a imagem de São Patrício




Aqui também, você vê o espetacular buraco, conhecido como “Poll nd Seantainne” com um canal subterrâneo ligando-o ao mar. 





Neste lugar foi erguido um memorial em homenagem aos 25 homens que perderam a vida ao se refugiarem nas entranhas do buraco durante a rebelião de 1798. Ao se esconderem dos ingleses (casacas vermelhas), foram surpreendidos pela maré e todos morreram afogados.






Separado do continente está Dún Briste, conhecido como “dun Briste” (O Forte Quebrado). A monumental parte isolada com 63 x 23 metros, 45 metros de altura e afastada 228 metros da costa foi separada do continente em 1393 como resultado da alta pressão exercida pelas ondas do mar.


Dún Briste ao longe

Um espetacular por do sol

Um pequeno edifício de pedra no topo da cabeça Downpatrick foi usado como posto de vigilância durante a Segunda Guerra Mundial. 





Algumas lendas explicam a separação e de acordo com uma lenda, um chefe pagão chamado Crom Dubh viveu lá. Ele se recusou a ouvir St. Patrick, que tentou convertê-lo ao cristianismo. St. Patrick bateu no chão com seu cajado e a pilha foi separada do continente, deixando Crom Dubh para morrer ali.



Dún Briste

Em 31 de julho de 1980, o Dr. Simas Caulfield, seu pai Patrick Caulfield e Martin Downes, Professor de Biologia na Faculdade de Maynooth, pousou de helicóptero em Dún Briste e passou duas horas examinando os restos do edifício e plantas. Eles descobriram, no centro de Dún Briste, os restos de um edifício de pedra medindo 30 metros por 13 metros. Os restos de outra construção medindo 20 metros por 10 metros estavam no lado ocidental. Descobriram também que havia uma de cerca de pedras com dois metros de altura, exatamente como as que podem ser encontradas em muitos lugares que permitem ovelhas para que não passem de um campo para outro.

Topo de Dún Briste

Ceide fields (campos de Ceide), compreende uma paisagem Neolítica constituída de monumentos funerários megalíticos, casas de habitação e caixas dentro de um sistema integrado de paredes de pedra definindo campos, que estão espalhados ao longo de 12 km² um pouco mais ao norte, a cerca de oito quilômetros de Ballycastle.







Muitas das características do sítio estão preservadas intactas sob 4 metros de um cobertor de turfa em alguns lugares. A paisagem turfeira de cobertura é de imensa importância para o seu valor de habitat natural, bem como para a sua ilustração da história ambiental e climática.



O significado do local reside no fato de que é o mais extenso monumento da Idade da Pedra no mundo e a mais antiga paisagem fechada na Europa. Seus monumentos megalíticos e estruturas de habitação oferecem uma paisagem única dos tempos neolíticos. Não somente são "um exemplo excelente", mas também são um exemplo excepcional de assentamento humano, uso da terra e da interação com o meio ambiente em tempos neolíticos. A primeira adoção da agricultura ocorreu em momentos diferentes em todo o mundo. Em nenhum outro lugar há tantos e extensos restos físicos de uma paisagem Neolítica sobrevivente deste período significativo na pré-história.

Os campos de Ceide são certamente de "universal" valor na definição usada pela primeira vez pela UNESCO  em 1976. "Representar ou simbolizar um conjunto de ideias e valores que são universalmente reconhecidos como importantes, ou como tendo influenciado a evolução da humanidade como um todo" (1976 CC-76-WS-25E).
Em 1998 foi declarado “A exigência de valor universal pela excepcional caracterização do patrimônio cultural e natural que deve ser interpretado como único”. (WHC-98/CON F.201/INF.9).

O Centro de Visitação e o Museu não só apresentam a arqueologia do sítio, mas também a botânica, pântanos e a geologia da área. Ele está localizado a 370 metros acima do nível do mar nos espetaculares cliffs ceide fields.


Centro de Visitação

Espero que tenham gostado e fica a dica de mais esse lugar na encantadora Irlanda!
 
Ceide Campos, Ballycastle, County, Co. Mayo, Irlanda
Tel: + 353 (0) 96 43325 Fax: + 353 (0) 96 43261  E-mail: ceidefields@opw.ie

Dublin - Bloomsday, o dia de Ulisses
Clare - Cliffs of Moher